quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

É big... é big

 Hoje ele completa um aninho.


Pra comemorar, nada melhor que um bolinho!
 
Viva o Pedro Henrique!

O cheiro da saudade

Ultimamente ando vivendo de muitas recordações. 
Hoje senti esse cheiro e voltei mais de 10 anos atras.
Foi como sentir o abraço apertado que meu falecido tio Parigot costumava dar. 
Ê saudade!

sábado, 18 de dezembro de 2010

bife da vovó

Depois que ela se foi, nunca mais comi um bife como aqueles!
Ai que saudade da minha avó!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Eu saúdo dezembro

Começo com as palavras de minha querida amiga Emanuelle Modesto: “Eu saúdo dezembro.” Que ele venha trazendo a tolerância, o espírito de união, de amor e amizade que sempre se fazem presente nessa época do ano.


As pessoas são mais amigas, mais carinhosas e principalmente mais caridosas. É o espírito do natal que está no ar e invade os corações, fazendo despertar o desejo de ser uma pessoa melhor. Traz também expectativas de coisas muito boas para o próximo ano. E a gente até consegue melhorar como pessoa.

Em dezembro tudo fica mais bonito, mais iluminado, as casas são pintadas, as árvores são montadas e decoradas, por todos os lados tem enfeites natalinos. O vermelho toma conta do mundo, justo ele, a cor do sangue, do amor, da vida!

O papai Noel está em toda a parte, nos correios, na televisão, na loja, na esquina. O lúdico se faz presente e torna a vida bem mais suave. As matérias jornalísticas são repetitivas e as receitas culinárias também (rabanadas e peru). Mas tudo vale a pena, porque como canta a Simone então é natal, mais um ano termina e nasce outra vez. Natal pro rico e pro pobre, do velho e do novo e que seja feliz quem souber fazer o bem.

Dezembro é mês de Roberto Carlos, da Simone, dos programas especiais, o mês das promessas, das confraternizações e das reconciliações. Dezembro é o mês da retrospectiva e também dever ser o da introspecção, assim, poderemos avaliar como realmente nos comportamos durante o ano que finda e saberemos o que almejamos para o que se inicia.

É o mês de festejar, de comer, beber e engordar. É o mês do sagitariano e do capricorniano. É o décimo segundo e último mês do ano, é o fim e o recomeço de um ciclo da vida.

Desde a sua origem que o natal é carregado de magia. Dos templos religiosos a teatralização ganhou praças, ruas, vielas, carros ambulantes e muito mais. Todos imbuídos do mesmo sentimento de levar a todos a história de um menininho pobre que nasceu em um estábulo e que com sua fé e sabedoria se tornou o homem mais importante do mundo.

E que venha dezembro!

Seu lunga

O cara chega no meu trabalho e pergunta:
- Como vai ser esses dias que não vai ter expediente?
Se eu fosse o "seu" Lunga tenho certeza que responderia:
- Vai ser fechado!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Ai que vontade